Nova série
ano VIII
Novembro 2017
ISSN 2177-2673

Número
24

Uma jovem de cinquenta anos!

Angelina Harari - AME Membro da EBP e da Associação Mundial de Psicanálise – AMP. Vice-presidente atual da AMP.
Endereço eletrônico: angelina.harari@gmail.com


Resumo: Nesta homenagem aos 50 anos do escrito de Jacques Lacan, “Proposição de 67”, Angelina Harari retoma um editorial de Judith Miller em outubro de 1996 para Opção Lacaniana – Revista Brasileira Internacional de Psicanálise, nº 17, para mostrar a priorização da lógica do passe no cerne da Escola de Lacan na AMP, a despeito do fato de que a experiência do passe não houvesse sido considerada pela EFP, Escola fundada por Lacan em 1964 e na qual a “Proposição de 67” foi lançada, a ponto de suscitar o “Exit de alguns notáveis” que se insurgiram contra ela saindo da EFP. A futura ECF sustentou a proposta em seus estatutos, o que permitiu que a proposição persistisse e fosse levada posteriormente para a AMP. Nesse sentido, comenta Angelina Harari, podemos afirmar que a persistência (Delenda) levou a melhor, pois hoje várias Escolas da AMP contam com o dispositivo do passe.

Palavras-chave: Proposição de 67, passe, analista da Escola.

 

Texto em PDF

 

>>Uma jovem de cinquenta anos!